Fechar 
Pesca Nordeste - O seu Portal de Pesca Esportiva - Por que Tucunaré?
     
Início arrow Matérias arrow Por que Tucunaré?
InícioContatoFórumFotosLinksLivro de VisitasRecomendeRevista

Por que Tucunaré?
Por Marco Antônio Guerreiro Ferreira   

Outro dia, passando os olhos por um velho dicionário enciclopédico ilustrado, de 1977, casualmente me deparei com o termo sugestão subliminar.

Instantaneamente voltei à minha juventude, no Rio de Janeiro, quando, por conta do calor, ficávamos até altas horas na calçada batendo papo e esperando o sono chegar. Bons tempos em que a violência era coisa de cinema... Existia, é claro, mas tinha outra dimensão...

Pois bem, lembro-me de uma noite em que a conversa girava em torno da capacidade de manipulação da vontade, com a utilização de métodos misteriosos. Todos davam sua opinião, sem qualquer base mais sólida, por ouvir falar... Um dos exemplos era a grande descoberta que haviam feito do porquê do sucesso da Coca-Cola, descoberta essa censurada  e proibida.

O que o pessoal da propaganda fazia? Incluía nos filmes um quadro com a imagem do refrigerante, que passava despercebido pelo espectador, mas inconscientemente a mensagem era enviada e armazenada no cérebro. Fatalmente antes do fim do filme a pessoa estava com vontade de tomar Coca-Cola sem saber o motivo. Esse era o teor de nossas conversas de garotos em uma daquelas noites...

Voltando ao dicionário mencionado, fizemos algumas anotações sobre o assunto:

Sugestão – Processo pelo qual o indivíduo perde sua faculdade de crítica, aceitando, dessa forma, idéias ou ordens que podem ser contrárias às suas próprias convicções conscientes.

A sugestão coletiva é um dos principais recursos da propaganda, em função da qual muitas pessoas podem ser influenciadas para dar preferência a determinado produto.

A propaganda emprega também a sugestão subliminar, na qual os estímulos são tão breves ou fracos que são registrados apenas pelo inconsciente, influenciando, depois, o consciente.

Esse, sem dúvida, é  o porquê da paixão mundial pelo Tucunaré! Não é que o malandro está nos programando subliminarmente? Afinal, como ele conseguiu superar em fama o rei da água doce, o Dourado? Como e por que preferimos a pesca do tucunaré? É bem verdade que seu ataque é inigualável numa isca de superfície, sendo sempre uma surpresa a cada ocasião, mas é peixe de fôlego curto em comparação com outras espécies.

Na verdade na maioria dos ataques (na superfície) não conseguimos ver o peixe, apenas o estardalhaço das águas, mas se conseguirmos isolar as imagens quadro a quadro, descobriremos o tucunaré como um ninja camuflado nas sombras, dando seu golpe e sumindo,  com a presa já abatida. É o exemplo perfeito do que seja sugestão subliminar, pois na hora da pesca, ao vivo, raramente iremos vê-lo na hora do ataque, só o efeito de sua ação, mas os estímulos que nos presenteia são tão breves e rápidos, que são registrados apenas pelo inconsciente, indo depois se manifestar no consciente, fazendo com que sempre estejamos ávidos pelas emoções de sua pesca.

Bem, e se isso não o convencer, esqueça a teoria e veja: Não é isso que o faz paixão nacional?

ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
ImageImage
Image
< Anterior   Próximo >

Top of Page Powered by Mambo Open Source
Copyright 2000 - 2007 Mambo Foundation. All rights reserved.
Mambo is Free Software released under the GNU/GPL License.